Aprender a ver as pequenas felicidades

Comprei dias destes numa feira de livro o livro de crônicas "Quadrantes" na sua terceira edição. Uma coletânea com escritores como Carlos Drumond de Andrade, Cecília Meireles, Rubem Braga, Manuel Bandeira entre outros. Só o peso destes artistas da palavra já bastaria a compra (saiu poR$4,00), mas ele é justamente uma coletânea de crônicas que Paulo Autran lia no rádio na rádio MEC e isto devido a um projeto maravilhoso chamado Quadrantes. O livro que comprei data de 1964, com uma de dicatória remetendo ao Natal daquele ano. Gente ,1964, ano do golpe militar, o Brasil entrava no seu período das trevas ditatoriais e eu apenas com 5 aninhos e este livro tão bem cuidado e lindo veio parar em minhas mãos 45 anos depois.
Tudo isto é nada… a mágica dlivro é que até a morte de Paulo Autran a rádio Band News FM reprisava a leitura destas crônicas e hoje meu cérebro recusa-se a ler estes contos com minha própria voz interior, num requinte de imaginação e emoção ponho a voz magistral Paulo Autran no meu audio dentro da minha caixola e vou saboreando estes textos. Como diria Cecília Meireles: "São pequenas felicidades!".
Gostaria de partilhar com você esta experiência, e sinta o que estou falando:
    
Quer baixar este arquivo?
-E vamos ao teatro!